Como desenvolver a habilidade de falar em público forma mais fácil e rápida?

Pare para pensar nas vezes em que você ficou encantada ao ver alguém falar bem em público. Em como ele ou ela conseguia prender a atenção dos ouvintes. Como o tempo passou e você nem percebeu. Aliás, você ficou o tempo todo de boca aberta.

E aí você deve ter pensando “uau, eu quero ser assim”.

E você pode.

Eu repito as palavras do Wall Disney.

“Se você pode sonhar, você pode fazer.”

Consultando o grande Dale Carnegie, que dedicou muitos anos ajudando pessoas comuns a se tornarem grandes oradores, seguem 3 dicas para você acelerar seu desenvolvimento nessa tão importante habilidade: falar em público.

Bora lá, saber quais são essas dicas?

 

1 – Fale de um assunto que você tenha competência adquirida através da experiencia ou do estudo.

 

Ou seja, você não deveria assumir a responsabilidade de fazer uma palestra sobre um assunto que você não domina ou que não conhece muito bem e principalmente, não deveria falar sobre o que não gosta.

Se você odeia falar sobre a crise no país, então não tope fazer uma apresentação sobre o assunto.

Uma sugestão: Fale sobre o que a vida te ensinou.

Por uma questão bem simples – as pessoas adoram ouvir sobre a vida das outras, hehehe.

Eu sei que isso suou como maldade, mas não é.

Quer um exemplo? Vou te dar um.

Há pouco tempo eu terminei um curso de oratória e no discurso final uma das mulheres que participaram desse treinamento começou sua palestra citando alguns dados sobre educação alimentar e a necessidade de se comer bem e da importância da atividade física, quando começou a contar que ela mesma havia passado por um processo de emagrecimento usando esses dois recursos e que havia eliminado 20 Kg. Contou com muita emoção e choro. Ela nos deu uma aula de superação e força de vontade.

Resultado: no fim do curso todos nós comentamos com ela e alguns mostraram real interesse em como ela fez isso. Se só falasse de fatos e dados de terceiros posso te assegurar que o sucesso não seria o mesmo.

Então, mulher faça um mergulho na sua memória e procure em seu passado as passagens importantes de sua vida que lhe causa uma vivida impressão.

Aqui estão alguns tópicos que o público em geral gosta de ouvir dos palestrantes:

Primeiros anos de sua vida e educação – assuntos sobre a família, lembranças da infância e os dias de escola invariavelmente atraem a atenção, pois quase todos estão interessados em como outras pessoas lidaram os desafios e obstáculos encontradas no ambiente em que viveram e cresceram.

Sempre que possível ilustre um ponto de sua palestra com algum caso ou exemplo de sua infância ou juventude. Sabe aquele acontecimento que permanece vivido em sua memória mesmo depois de muitos anos? Pois é, ele muito provavelmente, irá interessar também o seu público.

Lutas iniciais para progredir – quais foram os desafios que você enfrentou para conseguir seu emprego, seguir sua profissão ou o cargo que tem hoje? A que mudança de circunstancia se deu sua carreira? O que precisou aprender? Que habilidade teve que desenvolver?

Conte seus fracassos, suas esperanças, seus triunfos enquanto lutava para se firmar num mundo tão competitivo. Fale com modéstia e terá uma plateia avida por saber mais.

Passatempos e recreação – Por ser escolha pessoal também atrai a atenção e o interesse. Então, se você colecionava papel de cartas (quem nunca?) ou toca um instrumento musical, fale sobre isso, pois seu entusiasmo em falar de algo que faz por puro prazer será bem aceito pela sua assistência.

Área especiais de conhecimento – Se trabalha muito tempo no mesmo setor/área isso te torna uma perita no assunto, certo? Poderá ter certeza que conseguirá respeitosa atenção se abordar aspectos de sua vida ou profissão baseado em anos de experiências ou/e estudos.

Experiências em comum – Você já encontrou  algum grande homem? Ou uma grande mulher? Já esteve em algum momento de sua vida numa crise existencial ou espiritual?

Somente falando alguma coisa sobre a qual você adquiriu o direito de falar é que você será capaz de satisfazer o segundo requisito de falar fácil e rapidamente.

 

2 – Certifique-se de que está empolgada pelo seu tema

 

Fale sobre o que você tem paixão, sobre o que você aprova, sobre o que você defende, que te deixa com “sangue nos olhos”, sobre o que acredita que vá mudar o mundo, sobre sua missão na vida.

Se não se empolgar pela seu tema, se não ter prazer em falar dele você está numa roubada.

Pense num assunto que você  se levantaria para defender com convicção e sinceridade porque acredita ser correto, melhor, enfim algo que acredita e tem uma forte opinião formada. Encontrou tal assunto? Esse é um ótimo tema para você palestrar.

Você precisa por a si própria na palestra, por seu coração.

Se você, sinceramente transmitir ao seu público certas convicções que abrigam seu próprio coração você terá pessoas interessadas também, pois não é tão comum encontrar pessoas assim.

Quando você se empolga os olhos brilham, a voz ganha vida, os braços viram asas e o tempo não tem importância.

 

3 – Anseie a participação dos ouvintes na palestra

 

Então, você falará sobre algo que conhece bem e está empolgada com o tema. Isso a ajudará a ter uma palestra bem preparada. Agora é hora de pensar na plateia em si.

É preciso fazer com que os ouvintes sintam que o que vai ser dito lhes é importante.

A palestrante persuasiva desejar profundamente que os seus ouvintes sintam o que  ela está sentindo, concorde com seu ponto de vista, faça aquilo que ela julga importante fazerem, apreciem e revivam com ela sua experiência. A plateia e não ela mesma deve ser o centro. Ela sabe que o sucesso ou o fracasso de sua palestra não lhe cabe decidir – será decidido no cérebro e no coração daqueles que a ouvem.

Se ao falar ela mostrar quão importante para ela é aquele assunto, que se fizer o que ela diz será benefícios, se isso for vivido chances são que tenha atingido o seu objetivo.

Se for muito claro para você o porque é tão importante fazer o auditório a ouvir, se for claro pra você o beneficio que terão ao executar suas sugestões, então conseguirá que eles se envolvam com você e seu tema.

Coloque sempre sua individualidade na sua palestra e porte-se como uma humana normal, uma humana viva e enérgica falando sobre algo que acredita, conhece e defende, sendo calorosa e sincera com seus ouvintes.

Tenho certeza que sua apresentação será um grande sucesso. A cada experiência sua habilidade de falar em público será aprimorada.

Cadastre-se Aqui e Receba Gratuitamente Em Seu E-mail as Atualizações do Blog!

Responsive image

Edvania Santos


Coach Feminino que Acredita Num Mundo com Mulheres Super Confiantes Capazes de Demonstrar Seu Grande Potencial.

Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão

Campos obrigatórios são marcados com *